Bem-vindo à BOL. O nosso site usa cookies e outras tecnologias para personalizar a sua experiência e compreender como você e os outros visitantes usam o nosso site.
Para ver uma lista completa das empresas que usam estes cookies e outras tecnologias e nos informar se podem ou não ser utilizadas no seu dispositivo, aceda à nossa página de política de cookies.

Concordo
Distrito Sala
Detalhe Evento
ORLANDO

ORLANDO

Teatro & Arte | Teatro

Teatro Nacional D.MariaII

Sala Garrett
Classificação Etária
A classificar pela CCE
2022
mar
31
a
2022
abr
09

Próxima Sessão

01 abr 2022 19:00
Dias
Hrs
Min
Seg

Promotor

Teatro Nacional D. Maria II

Sinopse

Entre a ficção de Virginia Woolf e a crua realidade do massacre.

Vivemos tempos bizarros. Numa época que devia ser dada à tolerância e aceitação, passamos por um período de violência muitas vezes centrado na discriminação. Contudo, o pensamento que se opõe ao poder tem mostrado resiliência e força de combate. Em Orlando, Cláudia Lucas Chéu parte do texto de Virginia Woolf para escrever palavras de agora, que se cruzam também com material documental sobre o massacre homofóbico na cidade de Orlando, em 2016. O objetivo é criar uma nova ficção a partir da junção destes dois elementos numa tentativa de refletir sobre as questões de género e sobre as ondas de violência que estas originam. Refletir sobre o facto de o género não ser uma essência nem uma construção social, mas uma produção do poder e realizar uma crítica das categorias de identidade e, especificamente, da identidade enquanto fundamento da ação política.

Ficha Artística

texto Cláudia Lucas Chéu
direção Albano Jerónimo
a partir de Orlando de Virginia Woolf e material documental do massacre em Orlando
com Cláudia Lucas Chéu, Luís Puto, Solange Freitas, Pedro Lacerda, Diego Bragagal, Crista Alfaiate, Aurora Pinho, Maria Ladeira e intérprete a anunciar
assistência de encenação Luís Puto
apoio à dramaturgia André Tecedeiro
música Rui Lima & Sérgio Martins
movimento Carlota Lagido
espaço cénico Tiago Pinhal Costa
figurinos Carlota Lagido
desenho de luz Rui Monteiro
vídeo documental Inês Luís
comunicação Sara Cavaco
assessoria artística John Romão
direção de produção Francisco Leone
produção executiva Luís Puto
produção Teatro Nacional 21
coprodução CCVF Guimarães, Casa de Artes de Vila Nova de Famalicão, Teatro Municipal do Porto Rivoli, Teatro Nacional D. Maria II, DGARTES
apoio Oskar & Gaspar

Projeto apoiado pela DGArtes

Espetáculo estreia a 3 de dezembro no Centro Cultural Vila Flor, Guimarães.

Preços

  • Plateia - 16€
  • 1º Balcão - 12€
  • 2º Balcão - 9€

Descontos

  • Desempregados
  • Dia do espectador
  • Jovens (até 30 anos)
  • Pessoas c/nec. especiais
  • Prof. do espetáculo
  • Seniores (+ 65 anos)

Transportes Públicos

Metro - Linha Azul (estação Restauradores) / Linha Verde (Rossio)
CP - Estação do Rossio
Autocarros/eléctricos Carris - Restauradores/Praça da Figueira

Estacionamento

Restauradores
Praça da Figueira

-
Partilhar
Assinatura 10 espetáculos (2021/2022)
Assinatura 5 espetáculos (2021/2022)