Bem-vindo à BOL. O nosso site usa cookies e outras tecnologias para personalizar a sua experiência e compreender como você e os outros visitantes usam o nosso site.
Para ver uma lista completa das empresas que usam estes cookies e outras tecnologias e nos informar se podem ou não ser utilizadas no seu dispositivo, aceda à nossa página de política de cookies.

Concordo
Distrito Sala
Detalhe Evento
THE SCARLET LETTER

THE SCARLET LETTER

Teatro & Arte | Teatro

Teatro Nacional D.MariaII

Sala Garrett
Classificação Etária
A classificar pela CCE
Bilhete Pago
A partir dos 3 anos
2019
fev
01
a
2019
fev
02

Próxima Sessão

01 fev 2019 21:00
Dias
Hrs
Min
Seg

Promotor

Teatro Nacional D. Maria II E.P.E.

Sinopse

"Somos as flores negras de uma sociedade civilizada", diz Hawthorne em A letra escarlate. Continuamos a rebelar-nos contra a violência da hipocrisia moral em tempos de puritanismo. Perdemos na arte a força da natureza selvagem para sempre. Ganhámos em moralismo, estupidez e embuste. A condição puritana não suporta a causa obscena da fecundação e da multiplicação, esconde a origem genital de nossa conceção e do nosso nascimento, nega que o feito sublime da vida e do amor proceda do desejo, de um movimento sujo e violento entre pénis e vulvas, de uma paixão irreprimível e irremediavelmente violenta, e, claro, não tolera em absoluto a raiz sexual de nossas alegrias e das nossas dores. Como impedirão que a vagina seja a porta de entrada para a noite e a porta de saída para a luz do dia? Destruirão com martelos todas as ereções de pedra? Serão capazes de recordar que do primeiro homem foi a desobediência? Darão por cancelada a luxúria, a perversão e os vícios que também nos definem e nos libertam? Chegarão a censurar por degenerados até os nossos sonhos, apagarão o feito degenerado do inconsciente?
Com esta letra escarlate submergimo-nos nos pesadelos que nos dão forma, na necessidade da culpa e na incapacidade de fuga, como uma rebelião contra a saúde e a ordem.
Angélica Liddell

Ficha Artística

encenação, cenografia e figurinos Angélica Liddell
com Angélica Liddell, Antonio L. Pedraza, Antonio Pauletta, Borja Lopez, Daniel Matos, Eduardo Molina, Joele Anastasi, Nuno Nolasco, Sindo Puche, Tiago Costa, Tiago Mansilha, Vinicius Massucato
direção de produção e difusão Gumersindo Puche
coprodução Teatros del Canal, La Colline - Théâtre National, CDN Orléans, Iaquinandi, S.L.
colaboração TNDM II, BoCA Biennial of Contempor

Preços

  • Plateia - 17€
  • 1º Balcão - 13€
  • 2º Balcão - 10€

Descontos

  • Desempregados
  • Dia do espectador
  • Jovens (até 30 anos)
  • Pessoas c/nec. especiais
  • Prof. do espetáculo
  • Seniores (+ 65 anos)

Transportes Públicos

Metro - Linha Azul (estação Restauradores) / Linha Verde (Rossio)
CP - Estação do Rossio
Autocarros/eléctricos Carris - Restauradores/Praça da Figueira

Estacionamento

Restauradores
Praça da Figueira

Partilhar
Assinatura 20 espetáculos
Assinatura 10 espetáculos
Assinatura 5 espetáculos